Ir para o conteúdo Pular para o menú principal
ANÚNCIO
Você sabia que é possível salvar matérias para ler mais tarde? Use o botão icone ler mais tarde Ler mais tarde
icone menu

Perfil dos projetos da categoria Gestor Nota 10

Projetos institucionais e de formação enviados ao Prêmio Victor Civita 2010 mostram que gestores estão dando maior atenção a ações que promovam o impacto na melhoria do desempenho dos alunos

por:
NL
Noêmia Lopes
Prêmio Victor Civita - Educador Nota 10

Para chegar ao vencedor da categoria Gestor Nota 10 do Prêmio Victor Civita deste ano, duas selecionadoras analisaram criteriosamente os 496 projetos enviados por diretores, vice-diretores, coordenadores pedagógicos, orientadores educacionais e supervisores de todos os estados do país. Esse número representa cerca de 14% dos 3.392 trabalhos enviados (veja mais estatísticas nos gráficos desta reportagem). Numericamente, o número de gestores inscritos diminuiu em relação ao ano de 2009 (quando 644 profissionais enviaram material para concorrer na categoria). Porém os projetos avançaram em termos de qualidade. "Quase nenhum trouxe propostas inadequadas e com atividades incoerentes com o que se espera de um bom trabalho de gestão", afirma Ana Amélia Inoue, que, com Cláudia Zuppini Dal Corso, analisou os trabalhos inscritos.

Contudo, apesar da preocupação em elevar o nível de ensino, os projetos ainda aparecem com foco confuso ou, muitas vezes, inexistente. Muitos gestores promovem campanhas, eventos e feiras, convidam profissionais especializados para dar palestras nas escolas e envolvem todos os professores em torno de um tema comum, mas não conseguem demonstrar de que maneira as atividades propostas têm impacto no desempenho dos estudantes. Ter uma proposta curricular estruturada - algo que não é realidade em muitas redes - poderia auxiliar os gestores a identificar os temas a serem trabalhados e a definir projetos institucionais com metas mais focadas.

Em relação às áreas abordadas, o cenário não teve grandes alterações quando comparado ao do ano passado: as prioridades continuam sendo a gestão da aprendizagem em Língua Portuguesa e o envolvimento dos estudantes e da comunidade em projetos relacionados a temas transversais, como meio ambiente e orientação sexual.

Notas das avaliações oficiais se tornam parâmetros para os gestores

Analisando o campo de justificativa dos trabalhos inscritos, nota-se outro ponto positivo: os gestores estão mais preocupados em reverter quadros de mau desempenho em avaliações oficiais, como na Prova Brasil em âmbito federal, e outros sistemas de avaliação aplicados por redes locais. "Muitos diretores consideram essas notas um parâmetro para analisar a prática desenvolvida na sala de aula e as ações institucionais da escola", comenta Ana Amélia. Nas demais edições da premiação, a preocupação com esses índices era menos evidente e recorrente.

Vale destacar também a significativa diminuição da quantidade de trabalhos cuja ação principal é a premiação de alunos - como a distribuição de medalhas para as melhores redações ou para as classes com melhor comportamento. A selecionadora Ana Amélia esclarece que "não é proibido que um projeto tenha em seu planejamento um concurso de poesias entre os estudantes, por exemplo. Mas apenas eleger a melhor poesia não pode ser o propósito a ser alcançado". Nesse caso, a competição pura e simples faz o caráter educativo de qualquer proposta se perder - e os gestores estão mais cuidadosos com isso, o que é uma excelente notícia.

"O Prêmio Victor Civita na categoria Gestor Nota 10 tem como foco reconhecer os esforços feitos em projetos de formação ou institucionais para melhorar a escola como um todo e a aprendizagem dos alunos, como fez a vencedora deste ano", afirma Regina Scarpa, coordenadora pedagógica da Fundação Victor Civita e chefe da equipe de seleção do prêmio (leia a reportagem sobre o projeto premiado).

Perfil das inscrições na categoria Gestor Nota 10

Ilustração: Mário Kanno

Projetos inscritos por estado e região

Ilustração: Mário Kanno

Cargo

Ilustração: Mário Kanno

Formação dos participantes

Ilustração: Mário Kanno
ANÚNCIO